Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

GO CAROL

BEM-ESTAR, FITNESS, COZINHA OVOLACTOVEGETARIANA E A MINHA VIDA NO GERAL (E ÀS VEZES NO PARTICULAR)

GO CAROL

BEM-ESTAR, FITNESS, COZINHA OVOLACTOVEGETARIANA E A MINHA VIDA NO GERAL (E ÀS VEZES NO PARTICULAR)

Qui | 27.12.18

Viagem a... Luxemburgo - II

8F1EF23A-01FD-4FC6-9916-27BFA4ACDCF8.JPG

 

No segundo dia de viagem (se não leram o primeiro dia podem ler aqui) aproveitei-me bastante dos autocarros para conhecer a cidade. Visto que estava bastante frio optei por andar de transportes para ser mais fácil. A rede de autocarros é muito boa e cobre toda a cidade, por isso é fácil deslocarmo-nos aqui.

 

Não achei que a cidade fosse muuuito bonita, nem muito harmoniosa no que respeita a arquitetura. Era um pouco confuso. Tanto havia um prédio novo, acabadinho de fazer, super futurista, como a seguir encontrávamos um do tempo de D.Afonso Henriques (ahah).

 

Visto que andei um pouco de autocarro consegui ver a cidade para além do que é a cidade do centro, e por isso percebi que é tudo demasiado parecido. No centro as casas são tal como eu disse umas novas outras velhas, e na periferia as casas são todas baixinhas ou então há prédios de dois ou três andares, todas bastante escuras com telhados pretos, paredes cinzentas, castanhas, cor-de-laranja vermelhas, também para fazer face ao frio que assola a região.

 

B6AF5F24-4109-4EC0-AF52-31118AB79C9E.JPG

 

E mesmo nesta zona periférica via-se coisas muito estranhas. E um homem com a perna ligada, uma das calças arregaçada, e vários hematomas, a perna toda branca, como se já tivesse congelada. Parecia que tinha levado dois tiros na perna e que agora andava a mostrar o curativo mal feito. E depois o homem só falava, cantava,... ou estava bêbedo ou drogado, não sei. Mas era estranhíssimo! 

 

Almocei no Nirvana Café, um restaurante indiano que tinha buffet por 9,5€. O buffet era super pequeno e constituído apenas por arroz, batatas estufadas com cebolada, caril de grão e o que parecia um caril de lentilhas. Apesar de ser comida boa era super picante!! Demasiado, e eu até gosto de picante, mas também gosto de ter a língua intacta e de sentir o sabor dos alimentos...

 

BA44021E-847E-4B0C-B66C-B6AC096932E5.JPG

 

Andei a passear pela cidade depois disso, tanto a pé como de autocarro e aproveitei por rever certos locais onde havia estado no dia anterior.

A Biblioteca, a Catedral de Notre Dame, o Elevador em vidro. Tudo bonito mas nada do outro Mundo. Ainda me deparei com uma igreja e pouco mais. Há um rio, ou um pequeno lago vá, em certas zonas da cidade, o que a torna pitoresca. Acredito que quando neva toda a água congela, até porque não era muita.

 

FFBCB283-3525-4E4F-BA07-09E5DF425CBA.JPG

 

Mais uma vez acho que não há assim tanta gente quanto isso na rua. Como em todo o lado há zonas bem recentes que não têm nada a ver com o envolvente.

 

Parei para lanchar no Rawdish, onde já tinha ido de manhã procurar panquecas (que não tinha) e onde voltei desta vez para comer algo tipo batido ou mousse. Encontrei um batido/mousse de abacate, banana, tâmaras, cacau e água que comi à colher e que soube bem. Ia à procura de algo doce mas não demasiado doce e esta foi a melhor opção. Acaba com o desejo de doces mas ao mesmo tempo sacia e nutre porque só tem ingredientes bons. O batido custou 4,90€, um valor bem alto na minha opinião, mas em termos de preço-quantidade, e comparando com as restantes opções do espaço, nem foi caro. Uma bowl de açaí era 8,9€, por exemplo e um batido de banana, tâmaras, mirtilos e bebida de amêndoa 6,9€... a funcionária foi super atenciosa e tentou explicar-me tudo o que havia na vitrine que acharia que eu ia gostar (sem me conhecer, só porque disse que não queria nada picante). Mas foi simpática e apesar de me ter empurrado para os bolos de aspeto maravilhoso optei por isto.

 

9D8AEF75-7D84-4836-B798-87422C0D02D1.JPG

 

Aproveitei o momento quente e de pausa para escrever o artigo até aqui, antes de ir ao hotel ou hostel, eu sei lá, já nem sei, buscar a mochila que tinha deixado na sala guardada e mais ou menos escondida entre o sofá e a parede, tal como me indicou o dono. Espero ainda a ter no sítio...

 

Aproveito para recordar que se vais viajar tenho descontos especiais para ti, nomeadamente 25% de desconto nas subscrições de qualquer pacote Zomato Gold com o código CGS. Para além disso ainda dou 10% de desconto no Booking neste link ou com o código FE110BFE a utilizar na aplicação. 

Se preferires ficar noutro local ofereço 30€ no Airbnb na primeira reserva para quem se inscrever no site através deste link, e, posteriormente, 11€ para usar noutra reserva. 

Para criares cartão Revolut, cartão que permite realizar pagamentos com segurança em qualquer país, regista-te aqui, e recebes ainda 5€ depois da primeira compra com o mesmo (válido por tempo limitado).

Para terminar, para te levar ao aeroporto ou passear pela cidade, tens desconto de 5€ na primeira viagem na Uber através do código thgv1mmyue e caso preferiras a Bolt (não há mal nenhum em usar ambos e aproveitar os dois descontos) utiliza o código D4A94Y para 3€ de desconto imediato.

Deves ver sempre a lista atualizada de descontos aqui para saberes se este código ainda está válido no momento que leres o artigo. 

 

 

A paragem seguinte seria a de autocarros, na Gare Centrale. Tinha de apanhar o 16 para o aeroporto. Demorava cerca de 20/30 minutos por isso ainda tinha muito tempo. O voo era só às 20:45h por isso bastava estar às 19:45 no aeroporto. 

 

Já agora partilho que o Rawdish supostamente era anti-plástico, por isso tudo era embalado em papel ou vidro. No entanto, depois de dar uma vista de olhos mais geral pareceu-me que havia algumas coisas em plástico. De qualquer modo pode ser que seja reciclado, não sei... É acreditar no que está escrito na porta.

 

FA06435F-78E2-489F-93AF-A5FA21855FB3.JPG

 

Voltando às questões, considero que Luxemburgo foi uma das cidades menos interessantes que visitei até hoje. Talvez por ser mais pequena, ter pouco para ver e para fazer enquanto turista. Parece que serve mesmo apenas e só para trabalhar, tal como me foi dito por uma menina fofinha do Instagram. Não estou a dizer que que a cidade seja má para viver ou para trabalhar, mas em termos de turismo não tem grande interesse. Se tem coisas bonitas? Tem. Mas também não é nada que já não tenha visto noutros locais. Por outro lado acho que um dia chega perfeitamente para ver tudo, tal como já referi anteriormente. Se tivesse aterrado às 10h da manhã e levantado às 20h era suficiente. Caso seja para dar uma volta e conhecer a cidade, basta. 

 

10E1391B-FC6F-4B89-BA01-78EE63A1E383.JPG

 

Deixo algumas considerações finais em forma de resumo. 

-Achei a comida cara para o que era;

-Não achei a cidade nada de especial para visitar;

-Há imensos portugueses em todo o lado, mas como não sabem que também somos falam connosco em francês;

-No geral as pessoas são simpáticas;

-Não tive qualquer problema por ter viajado sozinha. Ninguém se meteu comigo, excepto aquele tal homem de bala na perna ao léu, que queria conversar, mas também não entendia nada do que dizia. Foi a única vez que senti medo;

-A cidade é super tranquila (demais até). Há pouca gente na rua durante o dia e a partir das 20h não há nenhuma, no máximo há carros;

-Dá para fazer a cidade a pé mas se quiserem visitar certas zonas em concreto, acaba por compensar andar de autocarro. Já agora nunca me foi pedido o bilhete nem nunca encontrei alguém a inspeccionar os bilhetes, apesar de ter um diário que custou 4€;

-É importante verificar a meteorologia antes porque os dias começam a ficar super frios. E quando digo super frios não estou a exagerar. Apanhei 1, 2 e 3.ºC e durante a noite ainda choveu. Se quiserem viajar com o mínimo indispensável optem por várias camadas de roupa. Luvas, gorro, cachecol, ténis ou botas quentinhas (as minhas da Fila são um verdadeiro forninho!! Se quiserem desconto no site o código é o CAROLINA-10 em todo Bazar Desportivo), e ainda um casaco quente. Se tiverem um quispo com carapuço melhor ainda;

-Levem sempre uns snacks na carteira ou mochila para o caso de não encontrarem nada que gostem. Ah e água! Sempre uma garrafinha pequena convosco para não ser muito peso.

 

49D88617-76CD-424F-9FAD-985FC026FBAD.JPG

 

E acho que já têm o menu de sobrevivência na cidade. Não tirei muitas fotografias mas as que tirei estão todas aqui. Também não havia muito mais para mostrar por isso...

Vejam o vídeo que está no Canal. Provavelmente será mais interessante.

 

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog tem comentários moderados.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.