Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

GO CAROL

BEM-ESTAR, FITNESS, COZINHA OVOLACTOVEGETARIANA E A MINHA VIDA NO GERAL (E ÀS VEZES NO PARTICULAR)

GO CAROL

BEM-ESTAR, FITNESS, COZINHA OVOLACTOVEGETARIANA E A MINHA VIDA NO GERAL (E ÀS VEZES NO PARTICULAR)

Sex | 22.06.18

Viagem a... Bruxelas

E983678E-5D0B-4117-A0A8-40029D08CEA4.JPG

 

A viagem começou uma hora e meia atrasada. Tempo que me daria um descanso muito maior durante a minha curta noite. A viagem de avião durou 2:20h sendo que ainda foi necessário apanhar um autocarro que ia do aeroporto até Bruxelas, com duração de uma hora. Conclusão, devíamos ter aterrado às 12:05 e aterramos às 13:35h. Por outro lado ainda tivemos de fazer mais a tal viagem. 

 

42AD0989-95AA-46D1-AB6B-E9EA48E5D47B.JPG

 

Planeei apenas 2 dias, Sexta e Sábado e voltar no Domingo bem cedinho, tanto que não dava para ver nada.

 

08ABC62D-3CA0-4451-BB99-AB0696016F79.JPG

 

Escrevo isto no final da viagem, Domingo de manhã e fico com pena de não ter conseguido arranjar uma viagem que fosse ao final do dia.

 

IMG_9146_Facetune_16-06-2018-23-26-10.JPG

 

38B5935E-B4E5-41B0-B99F-291D2AA3C070.JPG

 

Ao contrário do que muita gente me disse, a cidade é muito bonita, tenho muita coisa para ver, imensos monumentos muito imponentes, uma arquitectura muito bonita, a rede de transportes é bastante boa e funciona muito bem, as pessoas são um bocado antipáticas, mas isso foi a única coisa que se verificou da maioria do que me foi dito. Claro que recebi mensagens de quem tenha adorado, mas a maioria disse que havia sítios muito melhores, que não tinham gostado ou que não era nada de especial. 

 

A34440D1-3C17-40B6-AFC7-191FA3379642.JPG

 

Achei precisamente o contrário, e ainda bem porque, confesso, que cheguei a uma altura com medo. Principalmente quando aterrei, tive de andar 1 hora de autocarro para chegar à cidade, e depois ainda foi preciso caminhar 25 minutos até ao metro, mais 25 minutos do metro ao hotel, e com isto eram 16h da tarde. O voo tinha atrasado uma hora e meia portanto tudo atrasou. Já não estava a achar muita piada à brincadeira... Chegando à cidade, depois do autocarro nos deixar na Rue de France onde parava, achei a cidade muito feia, muito escura, muito suja, as pessoas muito estranhas, etc. Chegando ao destino a minha opinião alterou substancialmente como já pude referir.

 

IMG_9036.jpg

 

Compramos o passe de 24 horas que dava tanto para metro como autocarro e eléctrico, e o que permitiu andar mais um pouco pela cidade mais longínqua, que de outra forma seria difícil. O passe custou 7,5€ por pessoa mas os bilhetes individuais custavam 2,1€ portanto acabou por compensar.

 

7E156E25-5940-41F3-97C7-E6C3259D2187.JPG

 

55007C2C-145E-4CCE-891F-18F59D83E165.jpg

   

Mais uma vez fui sem planos, sem expectativas, sem nada. A única coisa que planeei mais ou menos foram (e aposto que já sabem) alguns locais para comer, porque nunca se sabe. Acabei por ir apenas a quatro dos seis que tinha pensado inicialmente. Arrependi-me de não levar mais comida, porque na Sexta-feira ao final da tarde já não tinha nada. Muito por culpa do atraso no voo que atrasou a hora de almoçar para a hora de jantar praticamente, e que me fez ficar uma devoradora.

 

3799F04D-9F12-4676-9E14-C9EAAFEDA5AA.JPG

 

Levei duas barrinhas, dois purés de fruta, duas bolinhas energéticas, um pacote de snacks tipo batatas fritas, uma mousse de proteína com manteiga de amendoim e granola e uma paparoca de maçã, guaraná e banana, e sim, foi tudo no primeiro dia e em poucas horas.

Não gosto de não ter comida comigo. Sinto-me logo desamparada, stressada, não sei. Estou habituada a ter qualquer coisa na carteira e saber que mesmo que não tenha fome está ali, e ter a carteira vazia faz-me confusão.

 

73A2F5DC-C4B9-4566-86B6-87EF5C63F929.JPG

 

CED22675-967F-4EDF-9AB7-6C8CE97B5677.JPG

 

Acabei por comprar algumas coisas no Sábado à tarde para ter no quarto caso tivesse fome à noite e para lanchar. O plano era essa, mas, mais uma vez, acabei por comer quase tudo mal cheguei ao quarto, o que sobrou serviu para o pequeno-almoço do dia seguinte, um iogurte e frutos secos.

 

06F817A1-0386-4C07-90D5-1763D3C935F0.JPG

 

 

Paremos de falar de comida. A cidade.

Tive imensa pena de não conhecer a Mini-Europe e o Atomium, mas como era bem longe da cidade e eram preciso apanhar vários transportes, quando me apercebi já era demasiado tarde para ir. Por outro lado já tinha o corpo tão cansado que a vontade era de ficar quietinha.

 

IMG_8951_Facetune_16-06-2018-13-59-32.JPG

 

5DF65315-16DE-48F0-A605-56C0A821F402.JPG

 

Consegui ver bem a parte do centro, vários parques bonitos, tal como o Leopold Park, toda a zona do Parlamento Europeu (European Quarter), o Palácio Real, as Galerias,... Tal como em Copenhaga há Igrejas, palácios, parques e monumentos bonitos em todo o lado. Se não formos atentos na rua passamos por uma coisa importante e nem damos por isso. 

 

IMG_8608_Facetune_15-06-2018-21-16-38.JPG

 

8442415E-BD73-400B-B814-8D60FAF32E30.JPG

 

Reparei que há bandeiras da Bélgica espalhadas pela cidade toda, seja nos apartamentos seja nos tais monumentos.

Existem também algumas pessoas a cantar e a tocar (e muito bem) na rua, muito mais que em Portugal, o que dá um ar giro à cidade.

 

A467C1B0-FD30-47CB-B64D-54D36198DC7C.JPG

 

6DF65B26-329D-4C76-8DE1-1671DB76632F.JPG

 

2288343C-D97B-4012-8AB1-4700201CCCBA.JPG

 

As refeições feitas foram relativamente perto de casa, do Penta Hotel, a 10 minutos a pé do metro e a 3 minutos do eléctrico. O hotel era muito muito bom! Com ginásio, uma zona de estar/bar/restaurante (era 3 em 1) com uma decoração muito bonita e um ecrã gigante para ver o Mundial até. No primeiro dia da viagem acontecia exactamente o primeiro jogo do Mundial, com Portugal a empatar com Espanha por 3-3. Confesso que não vi o jogo, estive sempre a ver as fotografias, editar e responder às vossas mensagens, mas fico feliz pelo país.

 

58CF3BE2-5A99-4570-8CDE-537888A85359.JPG

 

O almoço de Sexta-feira foi bem tarde, como tinha mencionado acima mas foi bom. Num restaurante orgânico e vegetariano, de seu nome The Sister Brussels Café, com muitas opções veganas. Acabei por comer uma salada, beber um mega batido e acabar a refeição com um waffle com chocolate e gelado de baunilha. 

 

E99A3631-D08C-4C0F-824A-96BB987A6323.JPG

 

FD9C1930-9E76-4CF4-99C1-8B98290B1B48.JPG

 

Importante, os preços das coisas são mais elevados que em Portugal, tanto no que se refere a restaurantes como supermercados. 

 

DD130BFF-A4DF-4FC4-8B56-4AE9186B2717.JPG

 

Já o jantar foi exactamente no hotel porque infelizmente fecha tudo muito cedo, e quando o jogo acabou, às 22h já praticamente não havia nada aberto, e o que havia fechava às 22:30. Não sabendo ao certo por onde ir, apanhar transportes e não apanhar, o tempo era muito reduzido para lá chegar. Foi a opção possível. E a comida era boa. Também estava cheia de fome, mas gostei. Uma quinoa com cebola, tomate, abacate e sumo de lima. A mistura ficava bem boa!

 

FA4B693D-97B8-44D7-B3BA-19E76DF03482.JPG

 

Xixi, cama, porque o dia seguinte iria ser tão longo quanto o anterior.

 

Sábado, pequeno almoço a 400 metros do Hotel, num sitio muito bonito mas demasiado barulhento. Barulho de coisas a bater umas nas outras, barulho das máquinas de café e de sumos, barulho das pessoas, barulho das cadeiras a arrastar naquela soleira de azulejo. À minha bowl de açaí, banana e manteiga de amendoim só acrescentava mesmo a manteiga de amendoim, que era menos que uma colher de sobremesa mal cheia, e colocava mais granola também. Tirando isso gostei.

 

E81D158D-A138-47C2-BF5C-D7C2E5CACEF6.JPG

 

Passeio pela cidade a seguir. De eléctrico para rentabilizar o investimento no bilhete de 24 horas. Quando dei por mim estava num sitio qualquer já a 4 km do centro da cidade. Deu para perceber que há uma zona bem diferente do centro, tal como seria de esperar claro, com casas de dois andares, carros à porta numa rampa que dá para a garagem, tudo tal como vemos nos filmes.

 

BD04F926-F914-4844-9899-451836F0A2FD.JPG

 

Depois disso voltei a apostar no eléctrico para sair dali e ir até à zona do Parlamento Europeu. Fiquei estupefacta com a imensidão, com o tamanho, com a quantidade de prédios com mais andares que a minha mão pode contar, com uma maior dimensão que os meus olhos conseguem ver. É, sem dúvida, uma mini cidade dentro da grande cidade e vale muito a pena visitar para se ter noção da monstruosidade que são aqueles edifícios, onde até existe um parque, o Leopold Park, com campo de basket e zonas infinitas para passear, um lado,... 

 

8673D7C1-AFCD-4645-92FB-6AF0DC55D5A1.JPG

 

276B85B3-6F99-4E19-BAE8-93706F1FE837.JPG

 

O almoço foi pela zona e que bom que foi! Foi a minha refeição favorita da viagem, sem dúvida. Um bagel vegano, com pão sem glúten (havia umas 6 opções diferentes e optei por esta), com pimentos salteados ou assados, não percebi bem, courguete grelhada, tomate e azeitonas pretas. Muito muito muito muitoooo bom!! Para beber um sumo embalado de ananás e coco que evaporou em poucos segundos de tão bom. Ah, e também havia batatas fritas, bem finas e estaladiças. Recomendo!

 

48B22C68-7100-430C-84D6-D0F143E75590 2.jpg

  

Foi neste momento que me lembrei que seria ótimo ir ao Atomium a seguir, mas desisti da ideia depois das várias indicações que um senhor me deu.

 

 

CB3E9463-E79A-4374-B3CE-25F269F2837A.JPG

 

Voltei ao centro para comer um gelado e passear mais e melhor pela zona, depois de ter andado por lá na Sexta-feira depois de almoço.

 

Na zona central da cidade há várias esplanadas com cadeiras que são praticamente espreguiçadeiras, perfeitas para ver o pôr do sol ou queimar a pele durante a tarde.

 

559AC0A7-E058-4638-A9E7-910F87DCFD65.JPG

 

Vi as Galerias, vi a rua cheia de pessoas (mas mesmo cheia), vi o famoso menino que faz xixi e que toda a gente acha que é gigante mas não passa de um nenuco de pedra. Estava vestido de menina, porque pelos vistos as pessoas (não sei se a câmara, se quem está responsável pela loja do menino mesmo ali ao lado), mudam-lhe a roupa habitualmente, e em vez de estar todo ao léu pelo menos não se constipa.

 

0BEA1DED-2D9B-4E50-B119-2402BB04F9D5.JPG

 

 

Por falar em léu, vi uma manifestação de pessoas nuas a andar de bicicleta. Estava calor mas não era motivo para tanto (ah ah ah).

Há também uma igreja que quando muda a hora tem uns bonecos pequenos que saem da parede, é giro.

 

D5145565-35E3-4C75-B864-DF808AD2D598.JPG

 

 

Para acabar o dia em beleza um jantar no Ami, mais um dos que me tinham aconselhado ir e que também estava nas minhas intenções. Fiquei muito desiludida porque ao contrário do aspecto fabuloso que tinha tudo o sabor não estava de acordo com a imagem dos pratos. No final descobri que o dono do restaurante quando me ouviu a falar português. De facto portugueses há-os em todo o lado!

 

 

781700AD-3D6B-4D14-A84D-DDE1C73CD307.JPG

 

Resumindo, adorei a cidade mas tive muita pena de não ter ficado mais uma manhã pelo menos ou uma tarde (seria perfeito).

E sim, aconselho. O clima estava perfeito, andei sempre de calções excepto no Sábado à noite que vesti umas calças acima do tornozelo para jantar. Quando ia para o hotel, eram quase 22:30 (22:24 para ser mais precisa) e ainda não tinha escurecido. Estava um dia lindo, a meteorologia estava super a favor e só posso ser grata por tudo isso. 

 

D0E2F55D-FA79-4316-8ADE-889C1A9CAC2F.JPG

 

 

Fiquei muito curiosa com Bruges, Antuérpia e Gante, locais que me foram aconselhados  mas que infelizmente não foi possível visitar devido à escassez de tempo. Provavelmente uma semana daria para ver tudo, mas com menos de 2 dias era impossível. 

 

A4667E0E-9661-4499-9F9A-0FEBB39C6745.JPG

 

Se estiverem em dúvida atirem-se de cabeça porque é incrível!

 

06B3FD6C-6BA3-4315-860C-93BEF48FE4F3.JPG