Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

GO CAROL

BEM-ESTAR, FITNESS, COZINHA OVOLACTOVEGETARIANA E A MINHA VIDA NO GERAL (E ÀS VEZES NO PARTICULAR)

GO CAROL

BEM-ESTAR, FITNESS, COZINHA OVOLACTOVEGETARIANA E A MINHA VIDA NO GERAL (E ÀS VEZES NO PARTICULAR)

Qui | 12.04.18

Viagem a... Barcelona

C8F94ACC-8160-4E75-B73F-0425AD42DC5E.JPG

 

 

Quarta viagem do ano, desta vez a um destino que já tinha ido há uns 3 ou 4 anos mas que ainda não conhecia muito porque só tinha estado lá um dia. Barcelona!

Se ainda não viram os artigos das restantes três viagens deste ano podem fazê-lo aqui.

Então e relativamente a esta viagem tenho a dizer o quê? Mais uma vez comecei por ver viagens no Skyscanner e alojamento no Booking. Sim, assim simples. Quanta maior a antecedência em que o fizerem maior a probabilidade de encontrarem bons preços e boas oportunidades. A viagem não foi muito cara mas por vezes há preços mais baixos. Se tivesse reservado em Janeiro tenho a certeza que poderia ter poupado uns 30% do valor, pelo menos. Com o hotel a mesma coisa. Os hotéis e hosteis em Barcelona não ficam propriamente baratos, principalmente se for para três noites, como eu. Se fosse agora tinha alterado as coisas de modo a voltar no Domingo em vez de Segunda-feira de manhã, e assim também poupava o dinheiro do hotel. Mesmo assim aproveitei uma promoção e reservei à última da hora, de quase 50% de desconto no Booking do quarto do Acta Antibes.

 

F3D1FEE6-0137-4BD9-BC6B-A4B799129CA8.JPG

 

Relativamente ao quarto, tamanho normal, com cama, duas mesinhas de cabeceira, uma tv, um armário, uma mesa, uma cadeira e um banquinho. Tinha casa-de-banho, toalhas e havia serviço de quarto que tratava da arrumação do mesmo e colocava sabonetes e gel de banho, e mudava as toalhas diariamente. Os funcionários eram muito simpáticos e o espaço engraçado. Já agora, o hotel ficava a 10 minutos a pé da Sagrada Família e a uns 300m do metro, que nunca cheguei a usar porque andei sempre a pé.

Mais uma vez vou deixar diversas fotografias, desde o que comi ao que vi, para deixar um bocadinho de Barcelona aqui com vocês.

  

AB61A506-91EA-4942-864F-FBA0BBD0A581.JPG

 

Poderia escrever um artigo só com os percalços do meu voo, onde desde haver turbulência como sei lá o quê e dizerem que tinham de colocar mais combustível para aguentar, a esperarmos uma hora sentados dentro do avião porque havia uma avaria, aconteceu um pouco de tudo. Como chegamos m-e-g-a-a-t-r-a-s-a-d-o-s a Bcn, 1 hora e pouco para ser mais precisa, quando lá chegamos e caminhamos séculos para chegar aos metros, que aquele aeroporto é um Mundo, já não havia nenhum para a zona onde íamos ficar.

 

Aconselharam-nos apanhar um autocarro que demorava cerca de 25 minutos e que ia para uma praça central. Daí teríamos de apanhar outro para o nosso hotel. Era 1h da manhã. O cansaço já era algum. E ainda era preciso tooodo um conjunto de coisas para chegarmos ao quarto e dormirmos, que no dia seguinte ia ser andar até mais não. O que aconteceu foi o seguinte, quando estávamos a chegar ao autocarro (uns 6 metros dele) ele começa a andar. Pronto, mais uma perda.

 

Dirigimo-nos para o lado oposto onde havia mais autocarros, mas esses demoravam 1 hora a chegar à tal praça porque paravam 19487 vezes. Apesar de ser mais acessível, 2,5€ creio eu, enquanto que o outro era a 6€, aquela hora compensava muito o de 6€. A motorista era muito antipática e estava cheia de pressa que entrássemos, quando nós ainda não sabíamos bem o que fazer. Disse-nos que o próximo autocarro directo demorava mais 25 minutos. Decidimos não ir no dela e ver como seria de taxi. 

A fila de taxis era imensa!!! Tinha uns 50 pelo menos. Fomos ao primeiro, a uns 200 metros (sim, era uma fila gigantesca) e resolvemos entrar. Custou quase 33€ mas pelo menos foi rápido (cerca de 20 minutos), não havendo trânsito aquela hora.

 

29F8894F-8A1F-49CB-87A3-3AA436313C18.JPG

 

Agora que contei tudo sobre o voo, o hotel e a forma como lá chegamos vou falar realmente sobre a viagem. Ao contrário das viagens de Milão, Florença, Liverpool e Manchester não planeei nada além dos voos, claro, do hotel obviamente, e de quatro locais onde queria comer. Tirando isso a ideia era correr a cidade toda, sem grande destino, mas onde iria ver as coisas mais importantes.

No primeiro dia de manhã fomos até à Sagrada Família. Foi pegar no Gps do telemóvel e chegar lá, até porque era a coisa mais perto de "casa". Já lá tinha ido, foi das poucas coisas que vi na cidade, e está ainda melhor, porque não está em obras. Não entrei mas dei a volta ao monumento e é realmente assombroso. Pequeno-almoçamos por ali. Um sumo de cenoura para mim que foi o que encontrei, e uma bolinha energética que levava na carteira e que é das melhores coisas de sempre!

 

6FAAE0C9-4319-4133-9027-7BD031A90F5E.JPG

 

Depois disso fomos até à zona de Barceloneta, onde é a praia, e onde íamos almoçar numa hamburgueria, o Bacoaburger. Comi um delicioso hambúrguer de grão de bico e espinafres, dos melhores de sempre, acompanhado por uma batatas rústicas muito boas também. O espaço tinha sempre pessoas a entrar, apesar da hora tardia (eram quase 15h), mas não estava a abarrotar, porque tinha um andar de baixo, que permitia haver uma maior fluidez de pessoas.

Continuando na visita, demos uma volta na praia. Isto dito assim parece muito rápido, mas andamos dezenas de quilómetros de um local para o outro.

 

567E2DD0-B3DC-47F5-8A0D-3C4C92C954C9.JPG

 

Até lá chegarmos fomos sempre por ruas principais e não só, de modo a conhecer o máximo possível. A cidade é formidável. Está organizada por bairros, se lhe posso chamar assim, sendo tudo pararelo, com passeio pela cidade toda para as bicicletas. Está mesmo bem feito. Já não me lembrava que era assim mas achei realmente giro e mega funcional. Apesar de ser uma big cidade não havia trânsito por aí além. Era fim-de-semana, ok, mas também existe uma rede de metro muito boa, que permite andar pela cidade toda por baixo da terra, sem causar congestionamento. Outra coisa boa é que as estradas das grandes avenidas têm todas três, quatro, cinco faixas para cada lado, o que também ajuda logo a aliviar a coisa.

 

75E0A63E-2DE7-4240-AF6E-DF85DE3C0E7F.JPG

 

Há muitos muuuitos turistas na cidade. Até agora acho que foi a cidade em que notei mais isso. As ruas estão cheias de gente, qualquer café está completo ou quase, assim como qualquer um das ruas "importantes" ou monumentos. A comida é muuuitooo boa. Tenho pena de não ter ficado uma ou duas semanas na cidade só para comer em todos os sitios que queria. Mas é sempre uma boa desculpa para voltar, certo?

 

74E44F35-04D1-46FF-84E3-102E730DAD1E.JPG

 

Então, demos uma grande volta pelo paredão da praia, que provavelmente tem outro nome mas que eu não sei, que foram outros valentes quilómetros. Vale mesmo a pena. Fiz a cidade toda a pé, como vos disse anteriormente, e portanto foi uma estafa. Mas também foi formidável, porque em todas as ruas há alguma coisa gira. Até comentei no instastorie que estava numa rua e de repente tinha uma catedral ao lado, no meio da rua. Espectacular (vou parar com os adjectivos promete).

  

86584D61-FCB1-4CE6-8E04-CE457BD3B546.JPG

 

Cá está um exemplo não muito bem retratado porque tinha uma árvore à frente, maaas que dá para ter uma ideia da coisa. 

 

FDEA382F-6E68-403B-9C6D-4AECBA618B21.JPG

 

Como dá para perceber comi sempre bem. Isto foi parte do brunch do segundo dia no Citizen, um café giro numa praça perto da Praça de Catalunya, uma das mais conhecidas da cidade, mesmo ao lado das Ramblas, e onde ficam muitas das lojas mais conhecidas. É paragem obrigatória. Comi açaí, uma big bowl,  uma grande fatia de bolo de chocolate vegano e um sumo de laranja e cenoura. Tudo maravilhoso!

 

 

IMG_5099_Facetune_08-04-2018-02-16-44.JPG

 

Outro local obrigatório é o Parc de la Ciutadella, com um elefante gigante (que é a coisa menos importante do parque mas que eu achei um piadão), mas também com dois lagos gigantes e super bonitos, com estátuas, e pessoas a correr, e bicicletas, e patinhos, e natureza, e é no meio da cidade, é lindo. O Zoo fica ali também, tudo no meio de uma cidade. Acho mesmo piada a isto!

 

777428C2-8061-456E-9A98-FE8A17D9B0A8.JPG

 

O Parque Güell foi um dos que vocês mais me sugeriram e que não podia perder e que tinha de ir e que era obrigatório, e eu fuiii! Tinha uma zona em obras, outra que se tinha de pagar para aceder, portanto a visita não foi tããão completa como esperava, mas deu para ver tudo e ficar novamente fascinada com tudo. As paisagens são lindas, a vista para toda a cidade é maravilhosa, e se o tempo estivesse melhorzinho era tudo mais giro, mas pronto, foi o que se arranjou. Deixei para o segundo dia, foi a última coisa que vi e gostei mesmo. Foi cansativo chegar lá, porque tínhamos de subir imenso, mas valeu a pena. Foi a única vez que apanhamos o metro, desde a Praça de Catalunya até Vallcarca, mas também ficava mais ou menos à mesma distância se saíssemos em Lesseps. Cada bilhete individual de metro custou 2,2€, tendo por isso gasto 4,4€ em metro em Barcelona.

 

4B4EF6E1-5AEE-49E1-9EB9-CF1738EBAF07.JPG

 

O jantar de Sábado foi na Cervecería Catalana, onde comemos tapas com amigos que também estavam lá a passar o fim-de-semana. Para mim houve pão com tomate, a entrada típica de muitos locais e que era muuuitoo boa, batatas bravas,  pimentos padrón e cogumelos salteados com espargos. Para eles houve ainda uma tábua de queijo, presunto e chouriço e huevos revueltos que tinham um mega aspecto!

Xixi, cama e 25,6km no lombo.

 

IMG_5152_Facetune_07-04-2018-23-31-37.JPG

 

Esta fotografia foi exactamente no restaurante no sábado à noite.

Domingo de manhã o dia começou de outra forma, com um mega brunch, que já mostrei acima, seguindo-se de passeio pela zona das Ramblas, que era relativamente perto do espaço, uma tentativa de ir ao Mercado La Boqueria, mas estava fechado, in-fe-liz-men-te, porque já fui e queria voltar. É dos sítios mais giros em Barcelona, pelas suas bancas de sumos e frutas coloridas, que é maravilhoso.

 

C0661182-F0D0-49A0-ADC9-FDB9C6F616BE.JPG

 

Descemos a Rambla e fomos até a um shopping depois de uma ponte na zona marítima. É impressionante a quantidade de pessoas que se move naquela cidade. Já me estou a repetir mas é mesmo verdade.

 

7EEAA8B5-DE64-47F2-A0B8-9423F40DDD4D.JPG

 

Foi caminhar até mais não. O almoço fantástico foi no Biocenter, um restaurante vegetariano e vegano, que podem ver acima e abaixo, com uma das melhores entradas da vida. Quatro patês diferentes com nachos, pão torrado e pita. Se forem a Barcelona vão até a este restaurante e peçam esta entrada! Um sumo de laranja e cenoura a acompanhar o hambúrguer de grão e espinafres e novamente batatinhas, com um molho super saboroso que já não me recordo de que era. Era uma das três opções veganas dos hambúrgueres. No final já não havia barriga para mais então pedi sobremesas para provar ao lanche, que não tinha nada planeado, e ao Domingo há muita coisa que fecha. Como já eram quase 16h da tarde poderia ser difícil depois encontrar algo para comer. Uma fatia de crumble de maçã, uma de bolo vegetariano, que não era para mim e uma fatia de bolo de cenoura, ofereciada pelo senhor, porque me viu muito em dúvida entre o crumble e o bolo de cenoura. Super simpático, atencioso e sem pressa nenhuma perante as minhas incertezas.

 

25D2BD9D-CD30-4D99-A495-9C354899E735.JPG

 

A tarde foi para ver o que ainda não tínhamos visto, como o Arc de Triomf, que estava mesmo à nossa frente por diversas vezes mas que ficava sempre para segundo plano porque íamos aqui ou ali.

É mesmooo giro! É gigante, maior do que imaginava e, mais uma vez, estava cheio de pessoas por ali a passear. O "arco" fica mesmo em frente daquele tal parque que referi acima que até tem o elefante.  

 

 IMG_5043_Facetune_08-04-2018-02-14-53.JPG

 

 

Como dá para perceber está tudo mais ou menos perto, umas coisas das outras, o que permite percorrer a cidade toda sem usar transportes. Mas claro que se tiverem menos tempo, um dia ou uma tarde por exemplo, é mais fácil usar o city tour (fui ver os preços e era 30€ para uma pessoa para um trajecto qualquer), o metro ou autocarros.

 

1F72015D-F356-464F-9259-278D6C94BD93.JPG

 

Quero apenas falar-vos do lanche no Cookie Demasie, com rolinhos de canela com nutella vegana, que podem ver acima. Só de me lembrar fico com água na boca. Para mim podia ter mais nutella ainda, porque só tinha no topo e não por toooodooo o bolo, mas assim também ficava menos doce e menos enjoativo. Havia mais opções vegan dependendo do dia, mas ao Sábado era uma de duas possibilidades. A segunda opção era um bolo igual ao que pedi mas com topping de canela, que parecia igualmente bom. Depois havia bolos de tudo e mais alguma coisa. Red velvet, oreo, cookies de mil sabores, bolo de banana,... É ter cabecinha meus amigos, cabecinha...

 

AC48FCC8-703F-414A-ABF5-24FFC9DDD113.JPG

 

Como sei que vão querer saber digo já que a cidade é mesmo bonita, a que mais gostei de visitar até agora durante este ano, a par de Florença. Apesar de nunca ter ido a esta última mas já ter estado em Barcelona, não conhecia muito, portanto foi quase uma primeira vez. 

Se tiverem um fim-de-semana arrisquem e vão. Chega perfeitamente para verem tudo o que vi e até mais. Não acordámos muito cedo, sempre depois das 9/9.45h, e portanto a manhã não foi aproveitada da mesma forma. Também demoravamos muito tempo a comer, porque não havia pressa. Ou seja, isto tudo para dizer que se forem para aproveitar a 100% é muito fácil correr tudo em dois dias.

 

FF424B04-BFCB-466C-9C20-757886C754FF.JPG

 

A única coisa que não fui e queria era a roda gigante no no parque de diversões Tibidabo, que descobri agora o nome porque não sabia, e na altura também não sabia como ir para lá. Está num monte muuuuito alto e deve ter a melhor vista da cidade. Mas não me pareceu fácil lá chegar. Como já estava a ficar de noite acabei por não pensar mais no assunto, mas fiquei não pena de não visitar.

Claro que fica sempre muuuita coisa por ver, mas tendo tem conta o tempo e as coisas mais conhecidas e mais recomendadas, passei por tudo.

 

IMG_4866_Facetune_08-04-2018-02-16-10.JPG 

 

Agora preciso de dicas para próximas viagens. Tenho mil em mente mas não dá para tudo, por isso por favor partilhem comigo uma que fizerem e adoraram, ou uma de sonho que querem fazer, ou simplesmente uma que gostariam de aqui ver partilhada.