Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

GO CAROL

BEM-ESTAR, FITNESS, COZINHA OVOLACTOVEGETARIANA E A MINHA VIDA NO GERAL (E ÀS VEZES NO PARTICULAR)

GO CAROL

BEM-ESTAR, FITNESS, COZINHA OVOLACTOVEGETARIANA E A MINHA VIDA NO GERAL (E ÀS VEZES NO PARTICULAR)

Seg | 12.03.18

Fui correr uma Mini Maratona, sozinha e no meio de um furacão

Fui desafiada pela Vodafone Portugal, a quem deixo desde já o meu agradecimento, a participar na mini maratona da Vodafone em Lisboa, que teve lugar no Domingo dia 11 de Março às 10:30h. No final do ano passado tinha como metas participar numa mini maratona, mas nunca tinha partilhado essa informação nas redes sociais. A Vodafone parece que adivinhou! 

 

48B48E0D-4632-424D-A68D-4495B71E14A6.JPG

 

  

Rumei para Lisboa no Sábado, dia 10 de manhã e passado 4 horas estava na capital. Aproveitei o Sábado à tarde para passear um pouco, juntamente com o meu namorado e dois amigos. Adoro estar em Lisboa. Sou sempre bem recebida, sou sempre muito feliz nesta cidade, portanto quando vou até lá, mesmo que seja sempre para trabalhar, fico super grata porque de facto deixa-me imensamente feliz. Não dá para aproveitar muito mas são sempre umas horas bem passadas. Aproveitei para conhecer o Parque Eduardo VII, que não conhecia e que fiquei a adorar!

 

A meio do dia fiquei a saber que a maratona não iria ter lugar na ponte 25 de Abril como seria previsível, começando em vez disso em Sete Rios. Já esperava que isto acontecesse e ainda bem. Fiquei muito mais contente com esta notícia. Furacões e pontes não me seduzem. Furacão esse que tinha nome de pessoa e tudo, vejam lá o perigo da coisa (estou a falar a sério).

 

No dia da mini maratona tudo correu com normalidade. Tirando a meteorologia, que estava melhor do que pensava mas um bocadinho chata, dava vontade de ficar em casa no quentinho, consegui terminar em 50 minutos, não 7km mas 8,36km. Ainda estou para perceber que raio de conversão foi esta. Quase mais 1,5km do que o suposto mas fez-se bem.

Lá fomos nós, o homem para apoiar no final que está lesionado, eu para dar uma corridinha. 

 

Fui os 8km a ouvir música para passar melhor, e a tentar a coisa o máximo na desportiva, porque sabia que não tinha treinado para fazer em menos de 40/45 minutos, que é o meu tempo normal numa passadeira, e também não estava com pressa para terminar em menos que isso. Preferi ir com calma, até porque era a minha primeira experiência nas corridas com milhares de pessoas, e como fui correr sozinha convinha ir atenta ao que ia fazer e não tropeçar nos sacos esvoaçantes ou coisa do género.

 

Quando estava a terminar ainda tentei filmar mas apercebi-me no final que ficou tudo mal. Não tenho recordações em vídeo mas posso dizer que gostei muito da experiência e que já andei a tentar incentivar amigos e o homem a voltarmos a correr numa prova semelhante.

 

Mais uma vez muito obrigada pelo convite da Vodafone Portugal! Fiquei muito feliz com o convite e também cheia de medo de fazer má figura. Espero não ter feito, e agradeço imenso a confiança em mim para fazer algo que não estou habituada a fazer, correr.