Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

GO CAROL

BEM-ESTAR, FITNESS, COZINHA OVOLACTOVEGETARIANA E A MINHA VIDA NO GERAL (E ÀS VEZES NO PARTICULAR)

Lavar o cabelo nunca foi tão fácil!

Deitamo-nos tarde e na hora de pôr o despertador o pensamento é "eh pá e ainda por cima tenho de lavar o cabelo de manhã". Caaaaaaaaalma "pessuau" que posso ter a solução para vocês! Neste mundo, em que cada vez que inventam uma coisa fico surpreendida, fico também a achar que já deviam ter inventado o produto muito antes e assim a nossa vida ficaria muito facilitada. Hoje trago-vos nada mais nada menos do que um champô seco! Leram bem. Um champô que não precisa de água NENHUMA para lavar o nosso cabelo. À pois é!!! Acabaram-se as horas intermináveis na casa-de-banho de madrugada, acabaram-se os banhos demorados com a desculpa de se estar a lavar o cabelo, acabaram-se os secadores e os cabelos queimados!!! Balões, muitos balões para comemorar! Mas.... será mesmo assim? 

Não.

Na verdade as horas intermináveis na casa-de-banho de madrugada, os banhos demorados com a desculpa de se estar a lavar o cabelo, os secadores e os cabelos queimados não se acabaram. Dos cabelos queimados falo outro dia. O que quero dizer é que vamos continuar a fazer tudo igual, mas que podemos, de vez em quando utilizar um champô milagre para não perder tanto tempo e ter o cabelo com um aspecto bonito e cuidado.

Sempre ouvi dizer que lavar o cabelo todos os dias faz mal. Se todos os dias faz mal, mais que uma vez por dia faz pior não? Por vezes é o que faço. Ando a tentar evitar ao máximo, mas nem sempre é possível. 

Assim, nas minhas viagens cibernéticas deparei-me com esta maravilha da Klorane que se vende nas farmácias (mais algum sitio??) e que quando comprei até estava com uma promoção qualquer leve dois pague um e meio. Como não sabia se valia a pena trouxe a embalagem sem esse tal "bónus". Arrependi-me mal usei o champô pela segunda vez. E pela segunda vez porquê e não pela primeira, perguntam vocês a ferver de curiosidade? Porque na primeira achei que tinha deitado dinheiro fora. 

Apliquei o spray - sim, é um spray, já me esquecia de vos dizer - no couro cabeludo, madeixa a madeira, a cerca de 20, 30 cm de distância e, com os dedos, fui espalhando, como a embalagem indica no verso. O spray deve ser aplicado na raiz, mas com alguma distância e sem ir para os olhos de preferência. Depois o cabelo deve ser escovado, preferencialmente de cabeça para baixo para dar mais volume. Maaaas, da primeira vez achei que aquilo ficou igual ou pior.

Este champô deixa o cabelo na raiz um bocadinho branco se não for bem espalhado, portanto é melhor tratarmos bem do assunto senão parece que andamos a brincar com farinha. Vi o cabelo a ficar branco então... não, "isto não resulta nada", pensei eu na primeira aplicação. Lá guardei a embalagem na esperança de um dia voltar a pegar nela. Esse dia chegouuuu! Experimentei no outro dia à noite numa de "vamos lá tentar outra vez...". Apliquei, espalhei e fui dormir. No dia seguinte o cabelo estava óptimo!! Parecia que tinha acabado de o arranjar - entenda-se por arranjar lavar e secar que é o máximo de "arranjar" que faço. Escovei o cabelo, não de cabeça para baixo mas de baixo para cima, como habitualmente faço, e o cabelo ficou muito mais volumoso.

Um à parte. O spray funciona se o cabelo não estiver em péssimo estado. Se não o lavam à uma semana a probabilidade do champô seco deixar o cabelo ainda pior é elevada. Juizinho vá.

Este spray é da Klorane como disse e comprei numa farmácia. Contudo existem já várias marcas com este champô seco e vários preços diferentes. Também há este champô para cabelos oleosos - o que mostrei acima é para cabelos normais - mas não sei se funciona ou não. Experimentem e depois digam-me o que acharam.

 

produto-_2_r.jpg

3 comentários

Comentar post