Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

GO CAROL

BEM-ESTAR, FITNESS, COZINHA OVOLACTOVEGETARIANA E A MINHA VIDA NO GERAL (E ÀS VEZES NO PARTICULAR)

Barrinhas mesmo mesmo boas

Fartas das barras de cereais que vendem nos supermercados? Já não aguentam as barrrinhas Fitness, Special K, Pingo Doce XPTO ou aquelas mesmo boas do Continente iguais às do Pingo Doce? Sem paciência nem vontade para ler rótulos e comparar marcas e informações nutricionais? Ou para decidir entre aquela barra da moda com sabor natural que não sabe a nada, e as de morango ou frutos silvestres que sabem todas ao mesmo e já nào têm piada nenhuma?
 
Este post é para vocês (parecia um anúncio parvo agora)!!!
 
Já andava há muito a adiar a decisão (dificílima) de fazer umas barras em casa (ou homemade, como toda a gente diz agora e fica sempre mais pomposo), mas hoje foi o dia.
Demoraram cerca de 25 minutos, porque tive de fazer coisas que não tinha (já vão perceber), senão demoravam 15 ou 20.
 
 
Uma vez comprei umas barras de sésamo e fiquei fã! Nada tinham a ver com as que normalmente tinha em casa. Eram super estaladiças e de certa forma uma novidade (quem não gosta de novidades boas?!?)
 
 
(Neste momento devia estar no ginásio e estou aqui, vejam como gosto de vocês!)
 
 
Então a receita mais ou menos inventada (baseei-me numa, mas depois fiz ao meu gosto) é a seguinte:
 
- 1 e 1/2 chávena de mistura de sementes de Linhaça, Sésamo e Girassol
- 3 colheres de sopa de Manteiga de Amendoim (como não tinha suficiente estive a fazer)
- 2 colheres de sopa de Mel
 
 
Colocam-se as Sementes numa frigideira a torrar cerca de 5 minutos (dois cuidado a ter: não queimarem as sementes e se a temperatura estiver muito elevada vão saltar).
Pré-aquecer o forno a 200º (pus a 250º e queimaram um bocadinho).
Enquanto isso juntar a Manteiga de Amendoim às Sementes e envolver.
Depois juntar o Mel e voltar a envolver.
Coloca-se num tabuleiro dividindo em barrinhas do tamanho que quiserem. A mim deu para 8 barras.
Vai ao forno por 7 minutos e está pronto.
Deixem arrefecer uns minutos que ainda vão solidificar um pouco, e depois podem embrulhar em papel de alumínio e/ou vegetal. Eu embrulhei 3 (sim, só fiquei com 6 porque entretanto tive de experimentar. Não vos ia dizer para fazerem se não estivesse bom, não era?) em cada um para ver qual o papel que conserva melhor e cola menos, provavelmente o vegetal, mas veremos. 
 
 
E é só isto. Aqui fica a fotografia para vos abrir o apetite.
 
 

IMG_8513.JPG

 

  
Espero ter ajudado algumas almas que como eu já não podiam ver as barras de supermercado sempre a saber ao mesmo.
 
 
Se experimentarem e gostarem digam de vossa justiça. Se não gostarem guardem para vocês senão estragam-me já "o negócio" e ninguém precisa saber. Estou a brincar, se não gostaram digam, a sério.
 
 
Volto amanhã ou assim, como de costume, para vos encher o Instagram e Facebook de posts.


2 comentários

Comentar post